Um dia após se encontrar com Ciro, Paulo Câmara reafirma apoio a Lula

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), um dia após se reunir com o pré-candidato ao Planalto Ciro Gomes (PDT),  reiterou sua defesa pela aliança nacional com os petistas. Câmara foi além e fez um aceno ao PT em encontro, na manhã desta quinta-feira, com Gleisi Hoffmann, presidente da sigla, no Palácio do Campo das Princesas, sede do governo de Pernambuco.

Segundo interlocutores, Câmara afirmou que os socialistas daquele estado vão apoiar a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ou o candidato que ele indicar ao Planalto, independentemente da retirada do nome de Marilia Arraes, pré-candidata petista e rival do PSB em Pernambuco. A candidatura da neta do ex-governador Miguel Arraes poderia tirar votos do governador e dificultar sua reeleição.

Paulo Câmara foi questionado sobre o significado do encontro que teve com Ciro Gomes na quarta-feira. Reduto tradicional do PSB, o diretório pernambucano é considerado fundamental. Se conseguir fechar um acordo com o PSB, Ciro ganha 45 segundos de tempo de TV e fortalece sua candidatura. No entanto, Câmara minimizou o assunto:

— Eu tive um encontro rápido com Ciro ontem. Mas ele (Ciro) sabe do nosso posicionamento em Pernambuco, que é prioritariamente uma aliança com o PT – disse Câmara. — Isso é o que estamos defendendo. Vamos fazer todos os esforços para que essa aliança se concretize. O Globo

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: